top of page
Artesi-branco.png

.

MASTERING

Andy Costa é Andrés Artesi

O QUE FAZEMOS?

Cuidamos da qualidade do processo musical e artístico, a partir da escuta integral da música e do músico.

sobre

NOSSOS SERVIÇOS

MIXAGEM

MASTERIZAÇÃO

DESENVOLVIMENTO

ARTÍSTICO

Processo pela qual várias fontes sonoras são combinadas em estéreo ou mais canais. As fontes podem ter sido gravadas em estúdio ou ao vivo e podem ser instrumentos, vozes, seções de orquestra, bem como palmas da plateia, etc.

É um trabalho artístico. Processo final do equilíbrio tonal, espacial (estéreo) e dinâmico, ressaltando detalhes musicais de uma música ou filme e harmonizando a passagem de uma música a outra de um álbum.

Processo de escuta e acompanhamento das necessidades do músico, a fim de apoiá-lo na implementação da mudança almejada, em termos de evolução artística e pessoal, por meio da mobilização de seus recursos internos

ANDY COSTA É

ANDRÉS ARTESI

Em uma tarde em Buenos Aires, Yolanda tocava Waltz Opus 69 (de F. Chopin), no piano de cauda da casa, quando ouviu alguém na rua assobiando e improvisando a mesma valsa. Curiosa, foi ao jardim ver quem fazia o duo com ela... Era Albo, um jovem amante de música clássica e violino. Casaram-se, tiveram Elena e depois eu nasci.
 

Fui uma criança alegre, apaixonada por música e instrumentos! Aos 15 anos, montei a banda de rock progressivo Lalachos e fui, daí em diante, chamado de ANDY COSTA (lê-se Ãndi, com “d’ di Recife), "Endi", na pronúncia brasileira... :)
 

Em paralelo ao trabalho de técnico em eletrônica, toquei nas bandas Astrolábio, também de rock progressivo, e Núcleo, de jazz rock.

DESENVOLVIMENTO

ARTÍSTICO

Processo de escuta e acompanhamento das necessidades do músico, a fim de apoiá-lo na realização da mudança almejada, em termos de evolução artística e pessoal, por meio da mobilização de seus recursos internos.

Sócia-fundadora

Mesmo como baterista nas bandas em que toquei na Argentina, eu fui assumindo a parte técnica (gravação, amplificação...). Em São Paulo, comecei fazendo PA para shows. Em Brasília, trabalhei na Amplisom e na Gravasom, período em que fiz os shows de Oswaldo Montenegro, Hermeto Pascoal, Beth Carvalho, Alcione e também de artistas locais como Mel da Terra. Entre 82 e 84, trabalhei, em Los Angeles (EUA), fazendo gravações de música clássica.

De volta à Brasília, fundei então o ZEN STUDIOS, em 1985. Produzi e gravei músicos e cantores como Cássia Eller, Zélia Duncan (Zélia Cristina à época), Milton Nascimento, Oswaldo Montenegro, Elba Ramalho, Flávio Venturini, Rosa Passos, Beto Guedes, Stanley Clarke, Caetano Veloso, Léo Gandelman, João Donato... Em 1995, eu e Stheel Nogueira abrimos a ZEN RECORDS e lançamos Nativus, Dark Avenger, Georgia Brown, Gretchen, Gilson Peranzzetta, entre outros.

Clave.png

Andrés Artesi

Sarah Nascimento

WhatsApp Image 2020-10-02 at 12.55.17.jp
WhatsApp Image 2020-10-22 at 17.50.08.jp

Aos 23 anos, vim ao Brasil com os integrantes da Núcleo e minha irmã Elena. Todos retornaram para a Argentina semanas depois e eu nunca mais voltei.  
 

Atuo no mercado musical e fonográfico brasileiro, desde 1979, em São Paulo. Em 1985, inaugurei Zen Studios, que mantive até 2015. 
 
De 2006 pra cá, apaixonei-me pelo estudo do violoncelo e adotei  o nome original, ANDRÉS, como nome de trabalho, porém, com outro nome da família - ARTESI. Desse momento de reinvenção de vida ainda em curso, nasce em 2020, a Artesi Mastering, com foco no serviço online.

WhatsApp Image 2020-09-15 at 23.40.27.jp
WhatsApp Image 2020-09-14 at 12.53.31.jp
WhatsApp Image 2020-09-15 at 23.40.27 (2
WhatsApp Image 2020-10-22 at 17.55.10.jp

A TRAJETÓRIA

ANDRÉS
A TRAJETÓRIA
WhatsApp Image 2020-09-24 at 18.25.36.jp

NOSSOS EQUIPAMENTOS

 TRABALHOS

To play, press and hold the enter key. To stop, release the enter key.

MARQUE SUA HORA

ENTRE EM CONTATO

Pelo nosso WhatsApp

ou preencha o formulário abaixo

Obrigado pelo envio!

bottom of page